Artigo genérico

14/01/2016

Dicas para combinar joias e roupas

Dicas para combinar joias e roupas

Geralmente, os clientes que visitam as nossas lojas de compra e venda de ouro em Lisboa manifestam uma constante preocupações por como combinar corretamente as joias com as roupas para cada ocasião. Para além de acrescentar sofisticação e elegância ao look, as joias também são um reflexo da nossa personalidade e sentimentos. Veja aqui algumas dicas para escolher os acessórios mais adequados e não correr o risco de ficar deselegante:

#1 - Ocasião: As regras de protocolo também são válidas para a utilização das joias. Nas ocasiões mais formais, as pedras preciosas são excelentes companheiras e, de acordo com o tipo de evento, também é possível optar por peças mais chamativas, como brincos e colares que marquem a diferença na indumentária.

2# - Dourado e Prateado: Não é nada deselegante misturar os dois tons se estiver a fazê-lo de uma maneira harmoniosa. As pulseiras douradas e prateadas podem ser combinadas, bem como colares e relógios de tons distintos. No entanto, não se esqueça de apelar para o bom senso e não exagere na quantidade de joias para não acabar com um estilo desalinhado.

#3 - Cores: Nas nossas lojas de compra e venda de ouro em Lisboa sabemos que os oufits em tons neutros são ideais para abusar no colorido das joias. Entretanto, se a roupa for estampada, é melhor optar por uma joia mais simples, com poucos detalhes e numa cor aproximada aos tons utilizados.

#4 - Decote: Para os decotes em forma de V, é melhor apostar por correntes e gargantilhas mais curtas, que fiquem junto ao pescoço. Os colares redondos são perfeitos para os decotes com a mesma forma.

#5 - Compensação: Não se esqueça que "menos é mais". Por isso, a Azevedo Pinho & Jesus Lda. aconselha evitar, por exemplo, as combinações com grandes colares e maxi brincos. Torne o look mais harmonioso e bonito buscando a compensação entre as peças utilizadas.